Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Por Definir

Por Definir

22
Mar19

A seca que se adivinha

Desde muito nova que me incutiram a importância da chuva e é talvez por isso que gosto de dias chuvosos. Nascida e criada no Alentejo, vi muitas vezes a preocupação nos olhos dos agricultores devido à falta de chuva e ao risco de seca. Embora o meu pai não seja agricultor, preocupava-se tanto como os que faziam da terra um sustento. Lembro-me de ele me dizer que se nunca chovesse, a comida acabaria. Desde então, espero ansiosa pela chuva quando ela escasseia. 

Este ano, mais uma vez, a terra secou e se não chover intensamente nos próximos dois meses, as consequências podem ser graves e dolorosas. Segundo o Público, cerca de 5% do país está a enfrentar uma seca severa e o Inverno só terminou ontem. Calcula-se que "o mês de Janeiro foi um dos mais secos nos últimos 19 anos" (notícia do Público). Ainda são referidas as atuais drásticas mudanças climáticas no planeta, evidenciando-se a crescente semelhança entre o solo português e o solo norte africano. 

Em Moçambique há cheias, em Portugal há seca. Cada país sofre à sua maneira com a desatenção que o mundo dá ao ambiente. 

Nota

Todas as imagens aqui publicadas são do Pinterest, excepto se existirem indicações contrárias.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D