Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Por Definir

Por Definir

Amor, destino e karma

A propósito de uma frase que li tenho vindo a pensar nisto já há algum tempo. Afinal só temos um grande amor na vida ou o amor não se mede assim? 

Será que não existe O amor da nossa vida e vão surgindo pessoas pelas quais nos apaixonamos sem medirmos a intensidade e duração ou só temos direito a uma grande paixão? E sim, se a segunda opção for a mais acertada tem que ser grande porque é único, porque tem que transbordar e ocupar tudo. 

Eu gosto de acreditar que não há uma pessoa certa. Quando estamos com alguém, não ponderamos estar com mais ninguém e acreditamos estar com a pessoa certa mas e se entrar alguém na nossa vida com a qual nos identificamos mais, com quem temos mais química? 

Não se deve dar nada por garantido e eu não dou. A vida é incerta e por vezes pode levar-nos por caminhos inesperados.Ter apenas one shot é assustador e inquietante. Esta opção faz-nos entrar noutros temas relacionados. O destino, por exemplo. Eu não acredito no destino. Não acredito que está tudo escrito. Se assim for, quem é que escreveu? Acredito sim num mundo mais liberal onde nos dá livre-arbítrio para fazermos as nossas escolhas. Acredito também que estamos todos interligados (ainda que não faça ideia de quem nos ligou) e que tudo acontece por alguma razão.

E aqui, mais uma vez, puxa-se outro assunto: o karma. Sou piamente crente do karma. Acredito que quem gera bem recebe bem e quem gera mal recebe mal. Ahh mas e as pessoas que sofrem muito e são muito bondosas e honestas? Isso já é puro azar. São pessoas que não tiveram sorte na vida porque também é preciso um bocadinho de sorte. Lembro-me de ser pequenina e dizer qualquer coisa feia enquanto a minha avó ralhava comigo e ela dizia-me sempre "olha que Deus castiga-te!". E eu era castigada mas não acredito que por Deus mas sim pela vida. por exemplo, caía ou batia com o pé numa aresta bicuda ou engasgava-me. E eu ficava com medo de fazer maldades. 

Ou talvez o karma e Deus são duas entidades que o ser humano concebeu para impor a ordem no caos que é o comportamento humano. Talvez não passe tudo de coincidências. Talvez o nosso percurso é feito ao caso baseado apenas nas decisões que tomamos constantemente.

Não querendo arriscar, tento sempre fazer o bem e pensar positivo de forma a que a energia positiva me acompanhe sempre. Faz-me sentir bem e segura. Esta é a minha maior crença. 

 

 

 

Nota

Todas as imagens aqui publicadas são do Pinterest exceto se existerem indicações contrárias.

2 comentários

Comentar post

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D